27| Fealq apoia realização de eventos técnico-científicos

Mais de 272 mil pessoas participaram dos encontros

s eventos realizados no Câmpus “Luiz de Queiroz” que contaram com a colaboração da Fealq já reuniram 272,7 mil pessoas desde 1979. A lista desses eventos inclui cursos de extensão universitária, difusão cultural, aperfeiçoamento e especialização, workshops e simpósios.

O Centro de Difusão de Tecnologia da Fealq desenvolve suas atividades em apoio aos Departamentos da Esalq e do Cena. De acordo com sua natureza, as atividades têm tempo de duração variável, de poucos dias (simpósios, por exemplo) a dois anos (cursos de especialização).

Os docentes e pesquisadores da Esalq e do Cena responsabilizam-se pela organização e condução dos eventos. Por conta da Fealq ficam a divulgação e a administração de recursos provenientes de taxas de inscrições e de apoiadores e patrocinadores.

O público que participa é constituído de estudantes, pesquisadores, técnicos e agropecuaristas de várias regiões do país e, não raro, do exterior. As atividades ocorrem durante todo o ano. Algumas, como os simpósios na área de zootecnia, estabelecidos antes mesmo da existência da Fealq, têm programação bienal ou trienal, e tiveram grande alcance. O primeiro da série – Simpósio sobre Manejo da Pastagem – foi realizado de 7 a 9 de setembro de 1973. E desde 1977, têm contado com o apoio da Fundação.

Frequência

De 1977 a 2016 foi crescendo o público presente nos eventos. O recorde foi alcançado em 2014, quando 31,5 mil pessoas participaram. Para se ter uma ideia, em 1977 sete eventos contaram com o apoio do Centro de Difusão de Tecnologia, , com total de 205 participantes. Já em 2015, mais de 17 mil pessoas participaram de 179 eventos, aqui se incluindo cursos de especialização realizados até em outros estados.

O Centro de Difusão de Tecnologia tem desenvolvido suas atribuições ao longo de 39 anos, oferecendo seu apoio à promoção de cursos de atualização de conhecimentos, com foco na difusão de técnicas de interesse da agricultura. Dessa maneira, colabora com a Esalq e o Cena na prestação de serviços à comunidade. Uma missão contínua que deve ser cumprida com dedicação ao longo dos anos vindouros.

A ênfase na programação dos eventos com antecipação significativa, muitas vezes concretizada, tem proporcionado a publicação de anais para distribuição aos participantes. Tornam-se, assim, os certames valioso estímulo e instrumento para produção de material técnico destinado, também, a público que não tem acesso aos eventos. Essa filosofia tem norteado as atividades do Centro de Difusão de Tecnologia desde os seus primórdios. Dessa maneira, a difusão de conhecimentos se amplia consideravelmente, atingindo pessoas muitas vezes distantes geograficamente. O público que aflui e o que participa dos eventos é extremamente diversificado quanto à formação e faixa etária. Assim, seu acesso às informações técnicas torna-se facilitado.

 

Veja também

01| MODERNIZAÇÃO DA TOMATICULTURA ELEVA PRODUTIVIDADE EM 40%

01| MODERNIZAÇÃO DA TOMATICULTURA ELEVA PRODUTIVIDADE EM 40%

A modernização da tomaticultura, que começou no Brasil a partir Read More
02| Força-tarefa esalqueana mudou estado da arte da borracha

02| Força-tarefa esalqueana mudou estado da arte da borracha

Departamentos da Esalq buscaram soluções para seringais Read More
03| Estudo reúne material sobre o calcário na agricultura

03| Estudo reúne material sobre o calcário na agricultura

Fealq editou publicação com 5 volumes nos anos 80 Read More
04| Tecnologias agrozootécnicas contribuem com indústrias

04| Tecnologias agrozootécnicas contribuem com indústrias

Fealq apoia e ajuda a divulgar conhecimentos técnicos Read More
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
©2018 FEALQ. Desenvolvido por Agência Multípla