05| Armadilha evita perda de até US$ 1 bilhão na citricultura

Estratégia desenvolvida simula cheiro da fêmea de inseto

Controlar pragas com recursos da própria natureza, especificamente, insetos, micro-organismos, fungos, entre outros, é a base da pesquisa de controle biológico que teve grande impulso a partir de 1980, com estudos do Laboratório de Biologia de Insetos do Departamento de Entomologia e Acarologia da Esalq. Um dos experimentos, envolvendo alternativas de controle, resultou numa armadilha para bicho-furão que evitou perdas de até US$ 1,32 bilhão em 12 anos na citricultura.
O pesquisador e professor José Roberto Postali Parra, que também foi diretor da Esalq (2003-2007) e coordenou centenas de trabalhos, explicou que a armadilha simula o cheiro da fêmea do inseto na época do acasalamento por meio de feromônio sintetizado. O macho é atraído e preso à armadilha, o que indica ao agricultor o momento certo de aplicar o defensivo, gerando economia, evitando perdas e racionalizando o trabalho.
O bicho-furão-dos-citros é um inseto que ataca os laranjais e destrói o fruto derrubando a produtividade. Pesquisadores do Departamento de Entomologia e Acarologia e do Departamento de Economia da Esalq, da Universidade da Califórnia (Davis) e da Universidade Federal de Viçosa estimaram que o uso de armadilhas com feromônio para o monitoramento de bicho-furão evitou perdas entre US$ 132,7 milhões e US$ 1,32 bilhão, desde sua disponibilização no mercado, em novembro de 2001 até 2013. O assunto também foi estudado e difundido pelo professor José Mauricio Simões Bento.
Apoio ético
O trabalho da Fealq, segundo o professor Parra, foi um divisor de águas para a universidade que é limitada pelas exigências burocráticas. Parra destaca que a Fundação facilita e agiliza a utilização de recursos para pesquisa, mas sempre de forma ética e séria, o que permite que estudos como do bicho furão se tornem alternativas viáveis para a agricultura.
Entre as centenas de iniciativas do Laboratório de Biologia de Insetos apoiadas pela Fealq estão projetos de pesquisa, reforma de laboratório, cursos, eventos, treinamento de pessoal, edição de livros e divulgação das publicações, como o livro “Entomologia Agrícola”, considerado um best-seller na América Latina.
Parra também desenvolveu pesquisas com o Trichogramma sp, uma vespa que parasita os ovos de inúmeras espécies de pragas da cana-de-açúcar, citros, milho e outras culturas. O Trichogramma é outro importante agente de controle biológico. As informações desse estudo foram compiladas no livro “Trichogramma e o Controle Biológico Aplicado” editado pela Fealq.
A Fundação tabém firmou convênios com a iniciativa privada para diversos projetos, consolidando um modelo de parceria universidade-empresa que já era amplamente utilizado em outros países como os Estados Unidos.
Agricultura tropical
Parra salienta que os avanços das pesquisas de controle biológico e de outros setores é que permitiram que o Brasil se tornasse líder mundial em agricultura tropical. O pesquisador ainda destaca que o controle biológico aumenta no país entre 10% e 15% ao ano, reflexo do suporte dado pela Fealq. E salienta que as novas fronteiras da pesquisa serão agricultura de precisão, organismos geneticamente modificados, novas tecnologias e uso racional dos produtos químicos.

 

Veja também

01| MODERNIZAÇÃO DA TOMATICULTURA ELEVA PRODUTIVIDADE EM 40%

01| MODERNIZAÇÃO DA TOMATICULTURA ELEVA PRODUTIVIDADE EM 40%

A modernização da tomaticultura, que começou no Brasil a partir Read More
02| Força-tarefa esalqueana mudou estado da arte da borracha

02| Força-tarefa esalqueana mudou estado da arte da borracha

Departamentos da Esalq buscaram soluções para seringais Read More
03| Estudo reúne material sobre o calcário na agricultura

03| Estudo reúne material sobre o calcário na agricultura

Fealq editou publicação com 5 volumes nos anos 80 Read More
04| Tecnologias agrozootécnicas contribuem com indústrias

04| Tecnologias agrozootécnicas contribuem com indústrias

Fealq apoia e ajuda a divulgar conhecimentos técnicos Read More
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
©2018 FEALQ. Desenvolvido por Agência Multípla